Denúncias

BOMBA, BOMBA: DENÚNCIAS REVELAM QUE LEONARDO SÁ JÁ ESTAVA INFECTADO COM COVID-19 QUANDO FOI TRABALHAR NO ANTENOR ABREU

Mentir é feio, mas quando se põe a vida de outras pessoas em risco a mentira passa a ser uma… [ ]

16 de julho de 2020

Mentir é feio, mas quando se põe a vida de outras pessoas em risco a mentira passa a ser uma irresponsabilidade.

Forte e consistente denúncia questiona a real situação da saúde do Deputado Leonardo Sá quando foi dar plantões no Hospital Regional Antenor Abreu, pois segundo informações, houve um segundo exame que o político havia feito alguns dias antes de aceitar o convite sob fortes críticas populares, que chamava-o de omisso. O médico assumiu no hospital no dia 20 de maio, e esse segundo exame, teria dado positivo para covid-19, pondo em risco de contágio pacientes e funcionários da casa de saúde.

Se confirmada essa denúncia, resta saber se o parlamentar fraudou seu exame do dia 31 de maio, quando afirmou que havia contraído a doença, apenas como artificio para poder parar de trabalhar no hospital, tendo em vista que seus planos de tentar fazer política dentro do hospital não foram pra frente?

Em “nota oficial” o deputado divulgou que havia contraído a doença.

Outra suspeita que ganhou repercussão gira em torno das datas entre sua entrada no Antenor e o resultado do exame do dia 31, que foi amplamente divulgado pelo próprio político, pois com o registro de reagente para IgM e não reagente para IgG, e considerando o tempo de incubação da doença, que gira em torno de 10 dias, isto sugere que quando iniciou a sua prestação de serviços no Hospital Dr. Antenor Abreu (20 de maio de 2020) o deputado já poderia estar contaminado pela covid 19, tornando-se importante vetor de propagação do vírus entre as dezenas de pacientes que atendia diariamente e os profissionais de saúde com quem tinha contato

A bem da verdade, o fato é que Leonardo nunca se preocupou muito com a saúde dos pinheirenses, seu objetivo era passar despercebido, pois sua torcida era que o caos fossem instaurado na saúde da cidade de Pinheiro e com isso pudesse fazer política, como isso não ocorreu, populares começaram a pressiona-lo para que pudesse ajudar como  médico, temeroso, mas vendo uma oportunidade de fazer política dentro do hospital, aceitou o convite.

A população merece respeito e o médico deve se pronunciar e se houve mesmo um outro exame, ele deve expor, pois se isso ocorreu, o parlamentar mentiu para a população pinheirense e para o parlamento estadual.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!