Farra cancelada

JUSTIÇA ADIA SAÍDA TEMPORÁRIA DO DIA DAS MÃES DE 730 PRESOS NO MARANHÃO

O juiz da 1ª Vara de Execuções Penais São Luís, Rommel Cruz Viegas, adiou a saída temporária de 730 presos… [ ]

5 de maio de 2020

O juiz da 1ª Vara de Execuções Penais São Luís, Rommel Cruz Viegas, adiou a saída temporária de 730 presos no Dia das Mães, que seria de 6 a 12 de maio, para o período de 24 a 30 de junho. Na mesma decisão, negou o adiantamento do gozo de duas saídas temporárias – a do Dia dos Pais, de 5 a 11 de agosto, e do Dia das Crianças, de 07 a 13 de outubro -, proposto pela Secretaria de Administração Penitenciária (SEAP) do Estado.

Dos 730 presos, 437 estão custodiados em Unidades Prisionais e 293 se encontram em prisão domiciliar. Os demais pedidos de benefícios, como progressão/antecipação de regime prisional, livramento condicional e prisão domiciliar, serão analisados individualmente em processos específicos.

O juiz advertiu, na decisão, que a Secretaria de Administração Penitenciária reconheceu a sua impossibilidade de atender às recomendações quanto ao retorno dos internos, nos aspectos materiais e físicos, quanto às medidas e barreiras sanitárias imprescindíveis à contenção do COVID-19, principalmente a realização de testagem da contaminação.

“A despeito da implementação de algumas barreiras sanitárias, consideradas como insatisfatórias pela própria SEAP, estas se mostram insuficientes ao considerar-se que os beneficiados com a saída temporária passarão vários dias no ambiente externo prisional – com inegável sujeição a riscos de contaminação pelo COVID-19 – e, em seguida, poderão levar o vírus às unidades prisionais”, ressaltou o juiz.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!